Perfis dominantes dos assistentes sociais da Região Autónoma dos Açores

Ana Margarida Frias Furtado Silva, Osvaldo Dias Lopes Silva

Resumo


O presente artigo analisa e reflete contextos da prática profissional dos assistentes sociais da Região Autónoma dos Açores no início do século XXI. Para o efeito, comparamos espaços temporais, fazendo a analogia com o termo “sociedade de risco”, utilizado por Ulrick Beck (2001), e com o contexto da prática profissional dos assistentes sociais. Essa prática está relacionada com as caraterísticas geográficas, históricas, sociais e políticas que obrigaram a uma procura de respostas face aos momentos de crise. A metodologia orientou-se pelo método misto, associando as abordagens qualitativa e quantitativa. Os dados quantitativos foram recolhidos, de forma a tornar possível a obtenção de um panorama da população em estudo, incluindo os seus perfis, de modo a potenciar a definição de estratégias relativamente a este grupo de profissionais. Em relação ao método qualitativo o paradigma interpretativo possibilitou a compreensão do sentido que os assistentes sociais dão à sua prática, dando abertura a declarações e proposições coerentemente relacionadas, que orientam o pensamento e a intensão do artigo. No contexto do paradigma interpretativo, este artigo tem por referencial teórico a perspetiva fenomenológica, dado que os assistentes sociais entrevistados participaram de forma ativa nesta investigação com os seus testemunhos. As caraterísticas peculiares da RAA e os perfis dos assistentes sociais permitiram analisar a sua prática profissional. São preocupações dos assistentes sociais responder e encontrar soluções inclusivas para os problemas sociais e a necessidade de formação contínua específica na área social.

Texto Completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN impresso: 2183-9220   |   ISSN eletrónico: 2184-2647

Revista Indexada no Diretório e Catálogo  do Latindex com o Folio n.º  26777

 Apoios:
CICS.NOVA

Com a colaboração técnica dos Serviços de Informática da Universidade de Évora